Visualizar praia em um mapa maior

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Agora quem desce para a Baixada Santista , observam tanques retorcidos ,derretidos pelo incêndio no Terminal da Ultra Cargo.

Muitos não esqueceram ,os momentos de pânico que passaram neste nove dias de tensão no combate ao incêndio ,explosões medo das famílias no bairro da Alemoa .
Preocupação dos funcionários da Empresa Ultra Cargo exaustos em um combate ,uma zona de guerra que durou mais de duzentas horas.
A fumaça escura ,graças ao termino do incêndio esta de cor cinza segundo pessoas que passaram hoje no local.
O sistema de refrigeração no combate ao incêndio continuam ,até terminar a fumaça.
Onde existem fumaça tem fogo ,principalmente com produtos químicos inflamáveis.
Agora é hora de pensar ,prevenir para que desastres ambientais como este não mais aconteçam ,que incêndios como estes não devem acontecer jamais devido estarmos dentro de um barril de pólvora .
São muitos Terminais de produtos químicos por todos os lados na Baixada Santista explosões em cadeia seriam uma enorme catrástofre .
Uma questão de Segurança Nacional ,exigem que Terminais de produtos químicos , Fabricas ,Industrias ,tenham equipes com brigada de incêndio e que façam simulados contra incêndios mensalmente .
Contam com apoio do Corpo de Bombeiros e CIPA .
Sistemas de refrigerações de tanques ,canaletas ,muretas de retenção em casos de vazamentos, tanques para estocagem de resíduos em casos de emergência e muitas normas de segurança no trabalho e industrial.
Na Rhodia em Cubatão era assim que a fabrica funcionava cheguei a participar da brigada de incêndio e CIPA.
Mensalmente combatíamos incêndios em vários tipos de simulados ,cheguei a fazer curso na Rhodia  em Paulinia .
Cheguei a ajudar combate de incêndios em plantações de Eucaliptos é algo fora do normal a imensidão que o incêndio alcança em poucos segundos quando o vento é forte .
Desastres como México servem de experiências para o Brasil estamos na era Pré Sal.
O que aconteceu na Ultra Cargo é um cisco no olho ,no problema que pode vir a acontecer em explosões em plataformas Petrolíferas , Refinarias ,etc.
Principalmente em um Porto da dimensão que é em Santos com armazenamento de todos os tipos de produtos químicos.
Prevenir é melhor que remediar segurança para o bem do povo na Baixada Santista .
Afinal para que servem os impostos .

www.sositaguare.blogspot.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário